Circuito Brasileiro de SUP Race – Release do Desafio kaluanã.

Todos os atletas que foram para fortaleza sabiam que
não ia ser fácil! Mas ninguém imaginava que o desafio Kaluanã seria o maior
desafio de Stand Up realizado até hoje no Brasil e talvez pelo que se tem
conhecimento um dos mais difíceis do mundo.

Reunião com os atletas, um time que provou topar
qualquer desafio. Viva o SUP!

O evento organizado pela K1 sports em parceria com a
Associação Cearense de SUP, foi um verdadeiro teste de resistência física e
mental para os atletas que tiveram que encarar um forte vento contra e bastante
ondulação. Apesar da ansiedade de todos e algumas especulações em relação ao
formato e dimensão do desafio a comissão técnica  optou por manter o
percurso proposto, o que sem dúvida serviu como base para um novo parâmetro do
potencial do SUP brasileiro.

Mais uma vez o atleta Luiz Guido “Animal” de São Paulo
mostrou que não gosta de ver ninguém remando a sua frente e mesmo sem o costume
de remar em mar aberto, foi abençoado pelo espírito de um Kaluanã (segundo a
lenda, guerreiro que não desiste nunca), que lhe apurou técnica e resistência
para deslizar sobre as grandes ondulações contra e a favor do vento e vencer a
terceira prova consecutiva do circuito!

Animal remou 6 km nessa posição para aliviar a pressão
do vento contra e vencer a prova!

Em segundo lugar ficou o atleta local Alex Araújo que
vem se destacando mais a cada prova do circuito. Na seqüência; Magno Matozo de
SC em terceiro contou com a experiência adquirida nos ventos sulistas, Marcelo
Lins de São Paulo chegou em quarto, Andre Torelly do RS em quinto e o paulista
Antonio Carlos Bonfa em sexto.

No Master, o
guarujaense honorário Neno Matos mostrou que também não está para brincadeira e
nem quis saber de que lado vinha o vento. Remou muito e superou os seus
adversários para garantir sua segunda vitória no circuito. Claudio Chain
talento de São Paulo também remou forte e chegou em segundo, seguido dos
santistas Rogério Cunha em terceiro, Gilson Alecrim em quarto e Pedro Américo
da Bahia em quinto.

Para quem não conhece esse é o Gilson o Master mais
Supermaster de todos!

No Race Feminino, Barbara Brasil mostrou que é uma
grande remadora e mesmo sem adversárias encarou o desafio cearense com muita
garra  e remou de igual para igual com vários participantes do masculino;
o que lhe rendeu junto com Marco Gorayeb uma homenagem especial  pelo
grande espírito competitivo, bravura e determinação. Só quem estava presente
para saber o quanto eles mereceram essa homenagem que foi estendida a todos os
Supistas de alma do Brasil.

Cada local tem suas características e a direção
técnica atenta optou por uma largada preservando a segurança.

Falando em Supistas de Alma, na Unlimited o baiano
Gustavo Costa soube driblar as correntes cearenses e terminou em primeiro
lugar. Marco Gorayeb de Brasilia abraçado por vários colegas e adversários na
chegada ficou em segundo.

No Supsurf masculino destaque para o talentoso
cearense Flávio Nunes 1º- , o paulista Luciano Meneghello 2º- , e o paraibano
Junior Manteiga 3º- e no Supsurf Feminino em primeiro ficou a cearense Karlyane
Bezerra, 2º- Adriana Munford da Bahia, 3º- Tamirys Oliveira CE.

O evento contou com o patrocínio do Governo do Estado
do Ceara e apoio da Art In Surf, Surf Tech, Marina Park, Athos, Outbrust,
PowerGames e Quebra Coco, a etapa cearense ofereceu R$10.000,00 em premio e um
desafio que ficara na história do SUP brasileiro.

Os melhores do Race no Brasil  fazendo a festa em
Fortaleza.

RESULTADOS OFICIAIS  DO DESAFIO KALUANÃ
CATEGORIA PROFISSIONAL – Race de 12’6″Open
COLOCAÇÃO NOME ESTADO TEMPO
1o Luiz
Carlos “Animal”
SP 1h
37min 33seg
2o Alexander
Araújo
CE 1h
44min 07seg
3o Magno
Matoso
SC 1h
45min 47seg
4o Marcelo
Lins
SP 1h
53min 49seg
5o André
Torelly
RS 1h
56min 50seg
6o Ant.
Carlos “Totó”
SP 2h
09min 12seg
7o Felipe
Goettens
RS 2h
13min 12seg
8o Rafael
Maia
DF 2h
18min 38seg
9o André
Luiz
BA 2h
37min 45seg
10o Ptolomeu
Cerqueira
BA 2h
50min 12seg
11o João
Renato Moura
SP DNF
CATEGORIA PROFISSIONAL – Race de 12’6″ Feminino
COLOCAÇÃO NOME ESTADO TEMPO
1o Barbara
Brazil
BA 2h
15min 00seg
CATEGORIA PROFISSIONAL – Race de 12’6″ Master
COLOCAÇÃO NOME ESTADO TEMPO
1o Neno
Matos
SP 1h
53min 05seg
2o Cláudio
Chaim
SP 2h
03min 40seg
3o Rogério
Cunha
SP 2h
10min 29seg
4o Gilson
Alecrim
SP 2h
19min 25seg
5o Pedro
Américo
BA 2h
24min 44seg
6o Jorge
Villas Boas
BA DNF
CATEGORIA  – Unlimited
COLOCAÇÃO NOME ESTADO TEMPO
1o Gustavo
Costa
BA 1h
49min 32seg
2o Marco  A. Gorayeb DF 3h
00min 00seg
3o José
Carvalho
BA DNF
4o Cesar
Ferreira
DF DNF
CATEGORIA Sup Surf Masculino
COLOCAÇÃO NOME ESTADO TEMPO
1o Flávio
Nunes
CE 28
min 39 seg
2o Luciano
Meneghello
SP 32min
19 seg
3o Júnior
Manteiga
PA 32min
24seg
4o Cardoso
Jr.
CE 33min
31seg
5o Keven
Lenox
CE 36min
20seg
6o Laércio
Clayton
CE 37min
27seg
7o Amilton
Oliveira
CE 37min
59seg
8o Roberto
Martins
CE 38min
30seg
9o João
Hermans
CE 42min
04seg
10o Marcelo
Gonçalves
PE DNF
11o Eduardo
Nunes
CE DNF
12o Michel
Fernandes
CE DNF
13o Bruno
Medeiros
DF DNF
14o Luiz
Henrique Pontes
CE DNF
15o Adhemar
Pereira
CE DNS
16o Henrique
Steindorfer
CE DNS
CATEGORIA Sup Surf Feminino
COLOCAÇÃO NOME ESTADO TEMPO
1o Karlyane
Bezerra
CE 51min
28seg
2o Adriana
Munford
BA 56min
59seg
3o Tamirys
Oliveira
CE 1h
06min 54seg
4o Luciana
Oliveira
CE DNF
5o Thais
Japequino
CE DNS

Pontuação da etapa e atualização do ranking já estão disponiveis no site da ABSUP. www.absup.com.br

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: